ANÁLISE DE SEDIMENTO E TESTEMUNHO

      A análise granulométrica de sedimentos pode ser feita através de várias técnicas, como: peneiramento, decantação, difração a laser, ou até mesmo a análise de imagens digitais. A técnica aplicada depende do material em questão e a tecnologia disponível para tal ensaio. Em nossos laboratórios, utilizamos mais frequentemente o peneiramento, que tem como objetivo a separação de um material em duas ou mais frações, com tamanhos de partículas distintas. Para tal separação utiliza-se peneiras granulométricas, que possibilitam a separação de partículas mais grossas de partículas mais finas, a depender do número de abertura por polegada, também conhecido como mesh, da mesma. Utiliza-se em alguns casos a água como um meio fluído facilitador dessa separação. Ao final da separação, pode-se classificar qualitativamente o material de acordo com sua natureza, levando em consideração critérios químicos e físicos, possibilitando assim destiná-los à vários fins, como por exemplo, areia para agregado miúdo na construção civil. Entregamos como produto final um relatório técnico padronizado, que apresenta detalhadamente todas as etapas do projeto com textos expositivos e mecanismos visuais, como fotos. 

    Já a descrição de testemunho de sondagem é feita a partir de parâmetros visuais. Por tratar-se de um material consolidado, é possível observar e identificar feições sedimentares, como litologia e estruturas, que auxiliam nas correlações estratigráficas e, consequentemente, na interpretação evolutiva dos ambientes e sistemas deposicionais e calibração de perfis geofísicos. 

     Contamos com laboratórios de excelência na Universidade de Brasília, supervisionado por doutores com referência nacional em Sedimentologia. Nossos produtos possuem acompanhamento de coordenadores e especialistas das áreas, além de uma equipe jovem e disposta a realizar todas as etapas da melhor forma possível. 

© 2017 por Cráton Consultoria.